Acústica e Alta Fidelidade: Condicionamento Acústico Interno Parte 4

Calcular os tempos de reverberação de um recinto fechado é determinar, através de procedimentos técnicos e científicos, os níveis locais de reverberância. O que permite comparar valores supostamente reais com valores considerados ideais. E assim, avaliar a extensão do problema a ser batido.

Uma das fórmulas elementares para cálculo de Tempo de Reverberação num local fechado é 

RT60 = 0,161 V / S ā

Sendo RT60 o tempo de reverberação em segundos, V o volume físico da sala em m³, S a superfície interna total da sala e ā a média dos coeficiente de absorção de todos os materiais que revestem as superfícies internas da sala.

Evidentemente, de antemão não poderia existir já pré calculada nenhuma figura média de coeficiente de absorção de um dado local, considerados todos os seus materiais. Pense nisso por dois minutos e conclua. Então, como resolver essa questão?

Como só existem coeficientes médios de absorção de materiais isoladamente considerados, a resposta é dividir a área total S em superfícies menores, correspondentes às áreas de cada material. E assim, o denominador da fração acima pode ser matematicamente expresso como:

S.ā = s1.ā1 + s2.ā2 + … + sN.āN

 Onde s1, s2, sN, etc. representam as áreas de cada material, a exemplo de parede de alvenaria, piso de madeira, teto de concreto e assim por diante.

Já  ā1, ā2, āN representam os coeficientes médios de absorção de cada material individualmente considerado.

Preciso repetir o que disse em matéria anterior. Esses coeficientes são facilmente encontrados na Internet. Se for se valer desse expediente, apenas assegure que a fonte é confiável. Depois disso tudo podemos reformular nossa equação original para:

RT60 = 0,161.V / s1.ā1 + s2.ā2 + … + sN.āN

Como você já sabe, esse cálculo deve ser repetido para as seis bandas de oitavas, centradas em 125, 250, 500, 1.000, 2.000 e 4.000 Hz. Uma das maneiras de simplificar todo esse procedimento é consolidar numa tabela as áreas de cada material. Veja um exemplo com sala de 5 x 4 x 3 metros. A tabela é:

Superfíciealvenariamadeiraconcretototais
parede Norte15 m²15 m²
parede Sul15 m²15 m²
parede Leste12 m²12 m²
parede Oeste12 m²12 m²
piso20 m²20 m²
teto20 m²20 m²
totais54 m²20 m²20 m²94 m²

Assim que obtiver os coeficientes médios de absorção, no caso deste exemplo com alvenaria, madeira e concreto, elabore como entender melhor uma segunda tabela especificamente desenvolvida para calcular os RT60 das seis bandas de oitavas.

Uma das coisas que sempre recomendo é que, calculados os RT60 das seis bandas de oitavas, produza um gráfico de bandas de frequências em Hz versus tempo em segundos, para mostrar visualmente como são os tempo de reverberação calculados para o local em questão.

Isso permite que uma simples e rápida olhadela – literalmente falando – baste para avaliar o comportamento acústico interno do local de forma global e panorâmica.

Luiz Cysne é engenheiro eletrônico e doutor em física.

Publicado por Alexandre Algranti

Estudou engenharia, marketing e finanças mas quer mesmo ser jornalista. Continua na busca do fone de ouvido perfeito mas espera jamais encontrar.